P/Ativo Circulante Líquido

P

O que é P/Ativo Circulante Líquido?

O P/Ativo Circulante Líquido representa a relação entre o preço da ação de uma companhia dividido pelos seus Ativos Circulantes Líquidos e os seus passivos.

Para entender melhor sobre o indicador P/Ativo Circulante Líquido, é importante saber diferenciar o Ativo Circulante do Ativo Circulante Líquido.

Isso porque o primeiro termo se refere ao conjunto de ativos de uma empresa que podem ser consumidos, utilizados, vendidos ou se esgotar através de negociações; ou seja, o valor disponível no caixa da empresa para uso imediato.

Já Ativo Circulante Líquido, também conhecido como Capital de Giro, representa essa quantia após o pagamento de despesas e outros gastos do período.

Como interpretar o P/Ativo Circulante Líquido?

O P/Ativo Circ. Líq. é um indicador importante por identificar o valor que o mercado financeiro atribui ao patrimônio de uma empresa em relação ao seu valor disponível em caixa.

Essa informação é relevante, já que o Ativo Circulante Líquido reflete a saúde financeira e a solidez da companhia em relação à emergências ou situações inesperadas.

Sendo assim, um índice alto poderia ser entendido como a indicação de um bom fluxo de caixa. No entanto, vale ressaltar a importância de analisar outros índices na avaliação de uma empresa, e não somente este, de forma isolada.

Isso porque, em grande parte das casos, o resultado do indicador pode ser negativo de maneira justificável; tendo um montante total de passivos maior que o ativo circulante, mas sem que isso signifique, necessariamente, um endividamento excessivo da companhia em questão.

Como calcular o P/Ativo Circulante Líquido?

O cálculo do P/Ativo Circulante Líquido é bastante simples. Para chegar em seu resultado, basta dividir o preço da ação da empresa pelo valor do seu Ativo Circulante Líquido.

Para encontrar essa informação, basta subtrair do Ativo Circulante da empresa os seus Passivos Circulantes, ou seja, dívidas de curto e longo prazo. Neste caso, todas as suas pendências financeiras no período.

Dessa forma, sobram os bens que podem ser convertidos em dinheiro no curto prazo, como:

  • Caixa;
  • Créditos;

Portanto, a fórmula para o P/Ativo Circ. Líq. é:

  • P/ACL = Preço da Ação / Ativos Circulantes Líquidos por ação

Para encontrar essas informações, basta conferir o Balanço Patrimonial da empresa em questão.

Vale lembrar que o Ativo Circulante Líquido pode ser demonstrado como Capital de Giro.

Exemplo de utilização do P/Ativo Circulante Líquido

Vamos supor que um investidor utilizou o indicador de Preço da Ação / Ativo Circulante Líquido por ação e encontrou as seguintes informações:

  • a empresa X tem R$28.000.000 de Ativo Circulante Total
  • dividindo esse total pelo número de ações (de 1.000.000), temos um Ativo Circulante Líquido por Ação de 28
  • o preço por ação é de R$33,00

Assim, aplicando a fórmula, temos: 33 / 28 = 1,17

Observando o resultado de 1,17 se entende que o preço da ação está maior que o ativo circulante líquido.

Limitações do P/Ativo Circulante Líquido

Sem dúvidas, o P/Ativo Circulante Líquido oferece informações relevantes aos investidores. No entanto, para análises comparativas entre empresas de diferentes setores, ele não é o mais adequado.

Isso porque este indicador não leva em consideração os diferentes padrões contábeis aplicados pelas companhias.

Outro ponto importante sobre o P/Ativo Circulante Líquido é que ele não leva em consideração cenários imprevistos, como aquisições recentes e recompra de ações, que podem acabar distorcendo o resultado.

Por isso, é importante que o P/Ativo Circulante Líquido seja utilizado junto com outras métricas, tornando a análise do investidor bem fundamentada.

Conseguiu entender um pouco mais sobre o P/Ativo Circulante Líquido? Deixe suas dúvidas nos comentários!

Adicione Comentários